segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Avenida Ruy Barbosa

Quando antigamente caia uma chuva forte na Ruy Barbosa, da sua janela cada cidadão inspecionava por si o que se lançava nas enxurradas de lama e buracos no centro da cidade. Poucos saiam para evitar o meleiro. Após a estiagem despejavam-se areia e cascalho para a restauração da mesma. A maioria dos prédios era residência. Os euclidenses passeavam aos domingos com suas famílias entre a Praça da Igreja e Avenida Ruy Barbosa.



Em 1954 deu-se início as obras do calçamento no governo do então prefeito José Camerindo de Abreu. O calçamento era considerado uma das obras prioritárias do prefeito.
Os paralelepípedos quando começaram a chegar em caminhões carregados, a população se deslumbrava e, até de alguma forma, procurava ajudar contente, colocando as pedras ao chão.
Logo, depois de pronto foi uma festa! A comunidade ao invés de

passear aos domingos como era de costume, passaram a caminhar todos os dias para cima e para baixo, esquecendo até de passear pela a Rua da Igreja.
Judival Araujo (Nego da Marinha) me contou que as crianças da sua época chamavam as outras para brincar na Rua do Calçamento, pois, era a única rua calçada da cidade. A Avenida Ruy Barbosa ficou por muito tempo conhecida como Rua do Calçamento.






Ao lado, Avenida Ruy Barbosa até junho de 2010







03 de julho de 2010 - Inicio das obras para um novo visual - Pavimentação
















Na foto ao lado (na seta): Elias da Maria Senhora fez questão de ser o primeiro a pisar no asfalto ainda quente com seu afilhado Napoleão nos braços. "Uma pequena pisada para o homem é mais um grande salto para o progresso" Comentou Elias








A pavimentação asfáltica da Avenida Ruy Barbosa foi entregue em 19 de setembro de 2010







__

3 comentários:

Domingos disse...

Bela, muito bela a matéria!!!!!

Elcy Nóbrega disse...

Estou como que em estado de choque, em poder relembrar meus anos de infância´e pré adolescêcia, saindo da rua da usina, atravessando a avenida Ruy Barbosa para a rua da igreja, fazer compainha a vovó mariinha. você Nei e colaboradores recebam minhas orações a DEUS pelas vossas vidas pelo lindo presente, foi 10! muito obrigada! Elcy Nóbrega

Jairo Vitorino disse...

Toda vez que acesso a internet dou uma passadinha no site para relembrar meus outroras tempos de infancia e adolescencia. Fico também maravilhado com as minha recordações. Ney não esqueça de pesquisar sobre o Esporte Clube 8 de Dezembro. Seu presidente era um sujeito conhecido como Dudé. Que fim teve esta agremiação e seus saudosos craques como o Téo marido da professora Eurides. Com certeza Elias da Maria Senhora tem infomações. Um grande abraço..